O brasileiro não está habituado a estudar sobre economia doméstica e a cuidar de suas finanças. Por esse motivo, por muitos anos, os brasileiros contraíram dívidas por falta de organização e planejamento. Avaliar empresas de empréstimo antes de fechar um contrato, por exemplo, não era um comportamento comum.

Pelo contrário, muitas vezes o único critério usado era o da aprovação. Se a empresa aprovasse, o cliente contratava. Felizmente o cenário está mudando e as pessoas estão mais conscientes, organizando suas finanças. 

Neste artigo, vamos mostrar como avaliar empresas de empréstimo antes de fechar contrato. Confira!

7 dicas para avaliar empresas de empréstimo

Saiba exatamente de quanto precisa

Existem diversas empresas financeiras que oferecem crédito para pessoas físicas e jurídicas. Algumas delas informam em suas comunicações quais são os valores que disponibilizam para os clientes.

Em alguns casos, a empresa já informa quais são os valores que costuma aprovar para o primeiro pedido de empréstimo. Por exemplo, a empresa trabalha com linhas de crédito que vão de R$ 2 mil a R$ 10 mil, mas para ter mais chances de ter o empréstimo aprovado, é recomendável solicitar o valor mais baixo, inicialmente.

Sabendo exatamente quanto precisa, você evita fazer várias solicitações em empresas diferentes – o que pode prejudicar seu score, e tem mais chances de ter o empréstimo aprovado. 

Encontre empresas que oferecem a modalidade de empréstimo que você precisa

As financeiras trabalham com diversas modalidades de crédito. Algumas empresas atuam com o foco em serviços específicos, por exemplo crédito consignado ou crédito pessoal. Existem empresas que oferecem apenas um ou outro. 

Encontrar essas empresas vai otimizar o seu tempo, evitando que você entre em contato e faça cadastro em financeiras que não vão conseguir te atender. 

Avalie as taxas de juros

Pesquise e compare as taxas de juros cobradas entre as empresas que oferecem empréstimos. Faça uma lista com as principais ou melhores opções do mercado e cruze as suas informações. Uma planilha pode te ajudar com isso. 

Além das taxas de juros ao mês, cobrado no valor da parcela, verifique quanto a empresa cobra de juros em caso de atraso no pagamento. Ou ainda, se a empresa oferece algum desconto no adiantamento das parcelas. 

Saiba qual é o Custo Efetivo Total (CET)

O Custo Efetivo Total representa o valor final do seu empréstimo, contando juros e todas as taxas embutidas na negociação. Saber quanto é o CET cobrado por cada empresa ou tipo de empréstimo é até mais importante do que avaliar as taxas de juros. 

Há casos em que a taxa de juros é menor, mas o CET é o maior entre todas as opções. Isso quer dizer que o valor final do empréstimo será mais alto. Por isso, adicione uma coluna para esse dado em sua planilha comparativa.

Liste os diferenciais que a empresa oferece

No mercado de empréstimos, em geral, as empresas trabalham de forma semelhante, oferecendo taxas e condições parecidas. No entanto, algum diferencial pode ser muito vantajoso para alguns casos específicos.

Por exemplo, aprovação rápida. Algumas empresas levam mais de uma semana para aprovar a solicitação de crédito do cliente. Outras conseguem fazer isso em um dia. Dessa forma, você tem acesso ao dinheiro mais rápido. 

Conheça a reputação da empresa

Muitas empresas de empréstimo estão surgindo no mercado e é preciso ter cuidado. Antes de fechar contrato, pesquise sobre a empresa, consulte a opinião de quem já contratou empréstimo com ela. O Reclame Aqui é um bom canal para isso. 

Acesse as redes sociais da empresa e veja os comentários dos clientes, consulte seu CNPJ e pesquise sobre as pessoas que estão à frente do negócio, como seus sócios e investidores. Levante o máximo de informações que puder antes de fechar um contrato.

Desconfie de ofertas muito boas e processos muito fáceis

Como falamos no tópico anterior, muitas financeiras estão surgindo e pode ser difícil avaliar as melhores empresas de empréstimo. Você não precisa se prender apenas às financeiras mais antigas do mercado, pois existem muitas fintechs sérias que estão revolucionando esse mercado. Por outro lado, é preciso ter cautela. Desconfie se a empresa:

  • disponibiliza valores de crédito muito altos;
  • oferece juros muito abaixo dos valores praticados no mercado;
  • trabalha com prazos de pagamento muito longos, como 96 parcelas;
  • dispensam a análise de crédito, comprovantes de renda e histórico de adimplência.

Além de outras ofertas muito vantajosas e que exigem poucas garantias do contratante. Agora que você já sabe como avaliar empresas de empréstimo, consegue fazer uma contratação segura. Aproveite e descubra como fazer um empréstimo online.

Está precisando de empréstimo? Acesse o MeuID, vá na aba “serviços” e veja as empresas parceiras que oferecem crédito para os usuários do aplicativo.

Avatar
Autor

Deixe um comentário